InternacionalNewsNotíciaNotícias2

Khedira não será o grande salvador no Hertha

Sami Khedira não pretende tornar-se “o chefão e o grande salvador” do Hertha Berlin após a sua chegada da Juventus.

O meio-campista Khedira, vencedor da Copa do Mundo, ingressou no Hertha no último dia após ter ficado paralisado na Juve – ele não fez uma única aparição na equipe da rodada sob Andrea Pirlo.

O Hertha está em 15º na Bundesliga e está apenas fora do play-off de rebaixamento devido à diferença de gols, com Pal Dardai substituindo Bruno Labbadia como técnico na semana passada.

Khedira espera usar sua experiência para afastar o clube dos últimos três colocados, embora não tenha a intenção de ser uma presença autoritária no vestiário.

Ele disse aos repórteres: “Não estou vindo aqui e dizendo: ‘Sou o chefão’. Sou um homem normal na equipe.

“Há jogadores que têm mais a dizer, isso é um pouco da minha natureza. Mas sou um jogador normal de futebol que quer fazer minha parte aqui.

“Quero trazer minha experiência e fazer declarações claras. Mas não vim aqui para me retratar como o chefão e o grande salvador. Eu faço parte da equipe. ”

Apesar de ter jogado apenas 30 minutos de futebol desde que a temporada 2019-20 foi suspensa em março em meio à pandemia do coronavírus, Khedira garantiu que está pronto para começar a trabalhar.

“Estou 100% apto”, disse Khedira. “Quando você treina com jogadores de classe mundial como Cristiano Ronaldo, Giorgio Chiellini e Alex Sandro, você sempre é desafiado.

“Saí [da Juventus] como cheguei: a rir. Passei cinco anos e meio fantásticos lá. Mas agora é Hertha. ”

Khedira tem acordo com o Hertha até ao final da época, mas não descarta ficar para além disso.

“Chegamos a um acordo para trabalharmos juntos até o final da temporada. Isso não significa que definitivamente vai acabar aí ”, disse ele.

“Há uma grande confiança entre mim e [o diretor esportivo] Arne Friedrich, então não precisamos de um pedaço de papel nos unindo.”

Leave a Response

De Leon Fernandes

De Leon Fernandes

Analista de Sistemas
Analista de Sistemas. Apaixonado pelo futebol e pelo rádio esportivo. Empreendedor digital há 10 anos.